Circo, teatro e música no Palquinho de encerramento do festival

Circo, teatro e música no Palquinho de encerramento do festival


O show da Super Banda foi um espetáculo para todas as idades unindo música, teatro e palhaçaria encerrando a 16ª edição da Mostra de Cinema Infantil. Nandola, Farofa, Farinha, Flor e Boró – O Belo, não deixaram ninguém parado trazendo para o hall do Teatro Pedro Ivo a alma do circo: os palhaços.

De canções do grupo musical Palavra Cantada a clássicos do Raul Seixas, como “Plunct Plact Zum”, o grupo interpretou, dançou e divertiu um público de todas as idades, que nem piscava. Luís Gustavo Larizzatti, que adora palhaços, não escondia a felicidade durante a apresentação. “Eles fazem adaptação das músicas criando essa interação com o circo e os palhaços que é demais. São artistas!” conclui o veterinário.

Acompanhado de palmas, o espetáculo durou cerca de uma hora, colocou o público de pé e encantou todas as gerações. “É difícil destacar alguma coisa. Eu destaco o conjunto!”, afirma Luciana Marcasso. A mãe da professora, Celina Marcasso, não ficou de fora da diversão. “Foi um encerramento maravilhoso e encantador, para crianças e adultos”, destaca.

 

Luís Gustavo Larizzatti e Luciana Marcasso
Luís Gustavo Larizzatti e Luciana Marcasso

 

 

A Super Banda faz parte da companhia Atrapa Trupe e se apresenta com diversos instrumentos musicais. Os palhaços estavam ansiosos para se apresentar na Mostra e agradeceram a experiência. “Obrigada a Maria que esperou” disse o artista Boró sobre o bebê de Gabriela Leite, que interpreta Flor. A palhaça está grávida de oito meses e fazia questão de participar da apresentações do grupo no encerramento da Mostra.

 

 

Texto: Milena Coutinho
Fotos: Carolina Arruda e Kélen Oliveira




Deixe seu comentário